Mia Borges

Como Depilar o Rosto com Navalhete Facial

Olá, beauties!

Depilação é um hábito cultural que integra a rotina da maioria dos brasileiros, chova ou faça sol. As mulheres, em geral, costumam tirar os pelos das axilas, das pernas, da virilha e do buço, o popular “bigode”. Já os homens fazem a barba e alguns também depilam o peito e as costas.

A dica de hoje é sobre depilação alternativa para o corpo e rosto, já que as técnicas mais comuns com cera ou linha para algumas pessoas, que assim como eu, não podem depilar o rosto com os métodos tradicionais, pois causam flacidez e piora o melasma. Acreditam nisso? Pois é, depois de ler e pesquisar muito a respeito, estudos científicos comprovam que barbear o rosto é bom para as cicatrizes e para frear o envelhecimento. Não é à toa que, Marilyn Monroe fazia e Elizabeth Taylor também é adepta.

A revista Cosmopolitan americana fez uma matéria, em 2015, dizendo que a prática de “barbear” o rosto com o uso de navalha, remove camadas mais profundas de células mortas, promove uma esfoliação delicada, o atrito faz com que a pele estimule a produção de colágeno, contribui para melhora dos poros “fechados” e, claro, retira os pelinhos indesejados, aqueles, que parecem aveludados, mas que nem toda mulher curte.

Segundo o dermatologista nova-iorquino Neal Schultz, a pele fica mais macia e ajuda na penetração dos cremes e cosméticos de tratamento. “Por isso que os homens sempre parecem ser cinco anos mais jovens do que realmente são, porque fazem constantemente esta esfoliação”.

Eu mesma comecei a me ‘barbear’ a seco e a pele fica muito melhor. Calma, beauties! Eu Não uso lâmina de barbear igual aos homens costumam usar para fazer a barba. Uso uma navalhete simples de sobrancelha, para remover o excesso de pelos acima da sobrancelha, do topo da testa e das bochechas. Raspar o rosto é barato, não irrita, não deixa bolinhas vermelhas, a maquiagem fica bem mais bonita, a pele absorve mais facilmente os produtos, minha pele nunca esteve tão macia e brilhante.

Veja o vídeo que eu fiz demonstrando a técnica e o navalhete que eu uso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *